galeria

Territórios Sensoriais
palafita-pomar

Territórios Sensoriais

Autor Ana Paula Rocha
Equipe Pablo Henrique Alves, João Pedro Melo, Gabriela De Faria Pinho, Ana Paula Rocha
País Brasil

O projeto tem como objetivo pensar na solução alternativa para ocupar um espaço subutilizado, através de uma intervenção efêmera proposta na “Palafita Pomar”. A proposta consiste na criação de um jardim sensorial guiando o transeunte ao pomar existente no prédio com finalidade de aguçar os cinco sentidos relacionados à percepção do meio interno e externo, são eles: o tato, o olfato, a audição, a visão e o paladar.
A intervenção pode ser considerada socialmente inclusiva, com possibilidade terapêutica em um espaço de contemplação e convívio social. A melhora do espaço inóspito do edifício, a organização e a democratização de seu uso incitam a importância de a proposta ser aberta ao público para visitação e participação comunitária.
A inserção do percurso em formato não linear segue o mesmo instinto dos sentidos (tato, olfato, audição, visão e paladar) em operar separadamente, assim como a sensação de quem percorre o trajeto. A ideia é se locomover de uma etapa à outra, sem visibilidade prévia do próximo espaço, com o despertar da curiosidade e admiração do transeunte em cada trecho.
O circuito a ser percorrido condiciona o observador à participar da intervenção através dos estímulos sensoriais combinados à mistura de sensações que cada passagem incita. O espectador se torna parte do projeto, uma vez que a sua percepção condiciona o objetivo do jardim: o aguçamento dos cinco sentidos. A ordenação das capacidades dispostas ao longo do deslocamento atuam de modo uniforme à experimentação do usuário.
A maioria dos materiais escolhidos para compor o projeto são ecoeficientes, reutilizáveis e de baixo custo, com soluções mais eficientes aplicadas à construção, ao uso, à ocupação e à manutenção. O objetivo é incentivar o uso racional dos recursos naturais e assim melhorar a qualidade do jardim sensorial.
Ainda, a opção por materiais que remetem o meio urbano contribui para a reafirmação da possibilidade de uma relação harmônica entre o meio natural e o meio do cotidiano das cidades urbanas, suscitando uma troca de caráter complementar e não exclusivo.

projetos
ordem por palafita / classificação / país

palafita-caverna

palafita-indiscreta

palafita-caleidoscópica

palafita-esbelta

palafita-dos-cachorros

palafita-comum

palafita-gigante-I

palafita-gigante-II